Encontre empresas e profissionais próximos a você! Simples, prático e rápido!
Bolos, Doces e Bem Casados | Organização do Casamento

5 Dicas na Escolha dos Doces do Casamento

Com certeza, uma parte muito gostosa dos casamentos é realmente “atacar” [de forma fina e educada - claro], a mesa de doces. E para os convidados terem o prazer de degustarem os melhores docinhos, os noivos precisam prestar bem atenção durante o planejamento. Vamos compartilhar 5 dicas na escolha dos doces do casamento:

1) Tipos e Varidades:

Primeiro, vamos falar sobre os tipos e variedades que tradicionalmente compõem uma mesa de doces de um casamento. Basicamente, são 5 tipos de doces que você deve escolher.

  • Chocolate/Trufados;
  • Frutos Secos e Sementes: Nozes, Pistache, Amêndoas;
  • Ovos;
  • Frutas: Uvas, Morangos e Damasco;
  • Caramelados/Crocantes;

Além das opções tradicionais, é permitido variar um pouco mais, como outras opções de doces, tais como Cupcakes, Doces Gelados, Macarrons, Docinhos para se comer de colher.

Para uma festa de mais ou menos 300 convidados, vocês deverão escolher 10 à 12 sabores diferentes nestes 5 tipos.

2) Quantidades

Em média, são consumidos 3 docinhos por convidado, contando que na festa haverá também outras opções de doces (ex: buffet de sobremesas ou bolo).

Voltando para o exemplo dos 300 convidados, seriam 900 docinhos.

3) Seleção dos Fornecedores

Visite a seção Bolos, Doces e Bem Casados do Guia de Casamentos myWedding para mais informações sobre os fornecedores. Tente chegar a uma lista de no máximo 5 doceiras.

4) Degustação

Aposto que os gulosos já estão pensando que esta é a melhor parte…

  1. Se possível, faça o teste cego: Não saber qual doce é de qual doceira pode evitar o efeito psicológico.
  2. Aparência em primeiro lugar: os doces devem ser atraentes visualmente, lembre-se que comemos primeiro com os olhos. Pense em qual você escolheria primeiro se estivesse escolhendo em uma mesa de doces.
  3. Escolha deve ser comparativa: sempre compare os doces de um mesmo tipo entre si e entre fornecedores. Não tente comparar um camafeu com um doce de ovos.
  4. Não precisa comer o doce inteiro: durante a degustação, prove apenas o suficiente para ter uma boa opinião sobre o doce. Muitas pessoas ficam enjoadas de comer tanto açucar/doces e a degustação pode ser comprometida no final.

 Se você tiver uma assessora ajudando no planejamento do casamento, peça para ela retirar os doces para a degustação nos diversas fornecedores escolhidos e fazer a degustação de todos os doces ao mesmo tempo. Assim, você consegue comparar o sabor entre os fornecedores, algo mais complicado de se fazer quando são feitos em dias diferentes.

Quando não se tem uma assessora, a degustação geralmente é feita na própria doceira, não sendo possível fazer a degustação comparativa.

5) Guarde 2 unidades de cada para os noivos 

Por fim, lembre-se de deixar separado 2 ou 3 unidades de cada docinho. Provavelmente, durante a festa os noivos não vão conseguir comê-los e assim, poderão saborea-los no dia seguinte. :)

Leave a Comment